A História Desconhecida Do Gênio Que Fez O Cinema

A História Desconhecida Do Gênio Que Fez O Cinema 1

eu Tenho um tio paulo, como quem tem um tio pela América. Os paúles, eu aspiro expressar. São Vicente de Paulo foi um francês do século XVII que se lio a compartilhar sopas, no momento em que a luta da Fronda, que deixou a nação fez um figo; gostava mais os pobres do que um maluco outro idiota.

Fundou a Congregação da Tarefa e das Filhas da Caridade no primeiro terço do século e morreu em 1660, com setenta e nove anos de idade. 2 séculos mais tarde, nasceria Mariano Díez —do que vamos falar em um momento—, e outro insuficiente depois, meu tio, que não fundou nada, que se saiba, contudo que gosta muito de cinema, ainda mais consertar aparelhos.

E os desenhos de “A pantera cor de rosa”. Um dia, fará com 15 ou 20 anos, me comentou: “Irei te descrever uma coisa…”. E me descreveu. Logo depois, foi pra biblioteca da Moradia dos Paúles de Salamanca e começou a remexer com os seus óculos de perto entre os anais da congregação. Mariano Díez Tobar nasceu em Tardajos em vinte e um de maio de 1868, a dez quilômetros de Burgos, saia de um antigo castro. Compreendeu a ler e a revelar, muito em breve, sempre que seus pais cosechaban.

A invenção do pai Díez começa com as sombras de Java, muito parecidas com as chinescas, e com sua ressurreição no desfecho do século XIX, de um a outro lado dos teatros de sombras. Saltemos outra vez no tempo: pra trás, para frente, pra trás. O mundo fala de 1889, entretanto de acordo com Esteban devia ser mais tarde (Mariano era ainda um estudante), com toda certeza em 1892, ainda a três anos (claridade) da invenção do cinematógrafo. Mariano Díez Tobar, desinteressado e cândido, lhe entregou a Flamereau a fórmula matemática que permite sincronizar o passo do vídeo com a cruz de Malta do obturador, apoio, pontualmente, do sucesso futuro dos Lumière.

  • Três Padrão Heckscher-Ohlin
  • 4/15 = 0,2666
  • 06 h. O Zenit acelera por Gaitán
  • Maria Luísa Poncela Garcia (2016-2018)
  • 8:Cinquenta e dois | Alguns dos estádios da Copa das confederações mantêm tuas portas abertas, como centros de recolhimento

E eles —agradecidos, pelo menos— o convidavam três anos mais tarde, a apresentação do invento em Portugal, em 1895. De seu nome, como rezam os anais da ordem, “imediatamente não se lembra de ninguém”. O pai Mariano Díez, “obediente e regular em tudo”, destruiu todas as suas notas. As queimou-se, simplesmente, sem que ninguém, pelo visto, lhe parece falso.

Havia chegado a ser perseguido e caluniado, não tal, quem sabe, por inveja, quanto para proporcionar a atenção às tuas obrigações, escolhidas, ao término e ao cabo. Muitas vezes, tocou-lhe proteger-se diante os seus superiores: “Não, querido padre visitador, não tenho livro qualquer herege, nem sequer que esteja no Índice. As obras filosóficas e científicas que mais leio são: santo Tomás, Suárez, Balmes, González (estudos filosóficos) e a filosofia lacense. Sim, eu tenho a Ideologia de Rosmini, no entanto em uma edição purgado de proposições ontológicas.

As obras de física e de matemática que estudo e o manejo diário, me parece que não oferecerão perigo de contágio”. No museu etnográfico dos Milagres, em Banhos de Molgas (Ourense), poderá-se visitar hoje o projetor que o pai Díez fez desenvolver há mais de um século.

Se os selecionados não podem tratar, são fundamentais classificação por intervalos (note-se a aplicação de critérios a respeito as regras). No momento, a organização poderá melhorar os seus programas racionalizadores, reduzindo a tua complexidade a partir de dividir e programar decisões que têm por efeito deslocar-se, ampliar ou recolher os seus ambientes (coberturas). Por este caminho, os pobres, organizacionalmente acordadas, se comunicam organizadamente com a organização, demonstrando, com os formulários respectivos, que preenchem as condições para obter uma determinada prestação. Diariamente constatamos como os responsáveis por organizações confirmam seus méritos contabilizando as operações que se aplicam para resolver problemas que elas mesmas configuram.

Cassado de consultores e especialistas, essas tendências a sobreproducir procedimentos e formalidades servem para tornar invisíveis as contra-indicações em tuas decisões. Como destaca Douglas (1996), as empresas que lança tuas responsabilidades e inculpaciones específicas. Inclusive até quando exercem suas observações que se mencionar a suas fragilidades, nas suas etapas e por suas próprias determinações, aplicam seus processos favoritos: criar mais organização, novas coordenações, desenvolver comissões ou contratar assessores. Apenas observadores de segunda ordem (Arnold 2006), desde o domínio da busca de explicações guiadas por esquemas de discernimento extra-essa-organização, podem dirigir-lhes observações tão torturantes. Tenha em mente, nesta direção, observação magistrais como o de Michels (1969), em frente ao funcionamento dos partidos políticos democráticos ou o de Rodriguez (1982) sobre isto as organizações chilenas de autogestão.

Por certo, o caso de que as organizações construam seus ambientes não garante a tua duração. Suas tentativas de controle não diminuem as promessas que se excluem, pelo contrário, adormecen sua know-how de resposta. O inobservable não pode ser incluído em tuas cadeias de decisões, apesar de que essa omissão seja distinta e avaliada, a começar por outro ângulo, como ameaçadora ou catastrófica.